Só quem já provou a dor/Quem sofreu, se amargurou/Viu a cruz e a vida em tons reais/Quem no certo procurou/Mas no errado se perdeu precisou saber recomeçar/Só quem já perdeu na vida sabe o que é ganhar/Porque encontrou na derrota o motivo para lutar/E assim viu no outono a primavera/Descobriu que é no conflito que a vida faz crescer/Que o verso tem reverso/Que o direito tem avesso/Que o de graça tem seu preço/Que a vida tem contrários/E a saudade é um lugar/Que só chega quem amou/E que o ódio é uma forma tão estranha de amar/Que o perto tem distâncias/E que esquerdo tem direito/Que a resposta tem pergunta/E o problema solução/E o amor começa aqui...Só quem perdoou na vida sabe o que é amar/Porque aprendeu que o amor só é amor se já provou alguma dor/E assim viu grandeza na miséria/Descobriu que é no limite que o amor pode nascer...

Musica do Pe. Fábio de Melo

0 comentários: