Pessoas são como diamantes.
Corremos o risco de jogá-las fora
só porque não tivemos a disposição
de olhá-las para além de suas cascas.
E então desperdiçamos grandes riquezas,
no exercício de alimentar pobrezas...
(Pe. Fábio de Melo)

0 comentários: