recados para orkut

[blue]***[/blue] Deseje um Feliz 2008 você também. Entre aqui!




Cada um tem de mim exatamente o que cativou,

E cada um é responsável pelo que cativou, não suporto falsidade e mentira,

A verdade pode machucar, mas é sempre mais digna.

Bom mesmo é ir a luta com determinação, abraçar a vida e viver com paixão.

Perder com classe e vencer com ousadia, pois o triunfo pertence a quem

Mais se atreve e a vida é muito para ser insignificante.

Eu faço e abuso da felicidade e não desisto dos meus sonhos.

O mundo está nas mãos daqueles que tem coragem de sonhar

"E correr o risco de viver seus sonhos."

autor: Charles Chaplin
Feliz Natal!!!! Merry Christmas!!!Feliz Navidad !!!!


Merry Christmas and a lot of blessings for you and your family in everyday of the year that is to be born...

Feliz Navidad y muchas bendiciones para usted y su familia en todos los días del año que es nacer...

Fröhliche Weihnachten und viele Segen für Sie und Ihre Familie in alltäglich vom Jahr, das ertragen werden wird,...

Buon Natale e molte benedizioni per Lei e la Sua famiglia in ogni giorno dell'anno che sarà nato...
MUDE!!!!

Todo sonho...


Todo sonho tem um preço.

Se você quiser ser músico de verdade, o preço é a dedicação ao estudo das
notas, da sonoridade, da composição, da busca da perfeição.

Se o seu sonho é pintar, o preço é conhecer as cores, os pincéis, as
técnicas de luz e perspectiva, é arriscar, fazer e refazer.

Se o seu sonho é ser comerciante, o preço é a dedicação quase que integral
ao negócio, são finais de semana atrás do balcão, horas sobre as contas,
dias e dias convencendo clientes.

Se o seu sonho é formar-se na faculdade, o preço é o estudo, as horas de
sono, mensalidades, livros, trabalhos em equipe, locomoção e muita
perseverança para não apenas formar-se, mas tornar-se um profissional de
fato.

Se o seu sonho é o casamento, o preço é a divisão das horas, é ceder espaço
na sua vida, aceitar comportamentos nem sempre tão agradáveis, ter regras
para o que antes não havia, ceder, ceder e compreender.

Se o seu sonho é a maternidade ou paternidade, o preço é a renúncia de
algumas horas, de alguns prazeres, de dedicação quase que integral ao novo
ser que será confiado a sua guarda.

Se o seu sonho é ser feliz, o preço é a dedicação ao seu bem estar, no
acreditar na sua infinita capacidade de construir, de recomeçar sempre que
um problema lhe derrubar. Ser feliz é um exercício diário de otimismo, que
cobra um preço razoável de cada um, não aceita pechinchas e nem oferece
descontos, é preciso saber viver com intensidade para ser feliz.

Qual é o seu sonho? Qual é o preço que você está disposto à pagar?
Qual é o esforço que você tem feito para sair do sonho e caminhar em direção
á realização? Você está disposto realmente a pagar o preço pedido? É capaz
de dedicar-se, renunciar e até sacrificar-se em nome do sonho?

Qual é o seu sonho?
Seja qual for, ele pode cobrar bem menos do que você imagina, se você
realmente tiver prazer em realizá-lo, se for realmente o seu desejo, e não
apenas um capricho. Os sonhos que nascem da alma sonhadora, tem em si o
desejo de vida melhor e levam pelo ar, esperança e alegria, paz e certeza de
dias melhores.

Paulo Roberto Gaefke


Grupo Em Nome do Amor.

Ontem no final da tarde...
"Quase acreditei que não era nada ao me tratarem como nada.
Quase acreditei que não seria capaz quando não me chamavam, por
acharem que eu não era capaz.

Quase acreditei que não sabia quando não me perguntavam por acharem
que eu não sabia.

Quase acreditei ser diferente entre tantos iguais, entre tantos capazes
e sabidos, entre tantos que eram chamados e escolhidos.
Quase acreditei estar de fora quando me deixavam de fora porque... que
falta fazia?

E de quase acreditar adoeci; busquei ajuda com doutores, mestres, magos
e querubins.
Procurei a cura em toda parte e ela estava tão perto de mim.
Me ensinaram a olhar para dentro de mim mesmo e perceber que sou
exatamente, como os iguais que me faziam diferente.

E acreditei profundamente em mim.
E tenho como dívida com a vida fazer com que cada ser humano se
perceba, se ame, se admire de si mesmo, como verdadeira fonte de riqueza.

Foi assim que cresci: acreditando.
Sou exatamente do tamanho de todo ser humano.
E por acreditar perdi o medo de dizer, de falar, participar, e até de
cometer enganos.

E se errar?
Paciência, continuo vivendo por isso aprendendo.
E errar é humano".

Hibisco rosa...
Uma pessoa é enorme para você, quando fala do que leu e viveu,
quando trata você com carinho e respeito, quando
olha nos olhos e sorri destravado.
É pequena para você quando só pensa em si mesma,
quando se comporta de uma maneira pouco gentil,
quando fracassa justamente no momento em que teria
que demonstrar o que há de mais importante entre duas pessoas:
O carinho, o respeito, a amizade o zelo.
É até mesmo o amor...
Uma pessoa é gigante para você quando se interessa pela sua vida,
quando busca alternativas para o seu crescimento,
quando sonha junto com você.
E pequena quando desvia do assunto.
Uma pessoa é grande quando perdoa, quando compreende,
quando se coloca no lugar do outro, quando age não de acordo
com o que esperam dela, mas de acordo com o que espera de si mesma.
Uma pessoa é pequena quando se deixa reger
por comportamentos clichês.
Uma mesma pessoa pode aparentar grandeza ou miudeza dentro
de um relacionamento, pode crescer ou decrescer num espaço de poucas semanas.
Uma decepção pode diminuir o tamanho de um amor que parecia ser grande.
Uma ausência pode aumentar o tamanho de um amor que parecia ser ínfimo
É difícil conviver com esta elasticidade: as pessoas se agigantam
e se encolhem aos nossos olhos.
Nosso julgamento é feito não através de centímetros e metros,
mas de ações e reações, de expectativas e frustrações.
Uma pessoa é única ao estender a mão, e ao recolhê-la inesperadamente,
se torna mais uma. O egoísmo unifica os insignificantes.
Não é a altura, nem o peso, nem os músculos que tornam uma pessoa grande...
...é a sua sensibilidade, sem tamanho...
... reflita sobre isso...

Texto: Willian Shakespeare


Flores..
A DIFICULDADE DE AGRADAR A TODOS

Muitas pessoas se comportam da forma que imaginam que agradará a todos.
Esta metáfora nos fala da impossibilidade de realizar este objetivo e
sobre a necessidade de confiarmos em nosso julgamento interno. Em pleno
calor do dia um pai andava pelas poeirentas ruas de Keshan junto com
seu filho e um jumento. O pai estava sentado no animal, enquanto o
filho o conduzia, puxando a montaria com uma corda. "Pobre criança!",
exclamou um passante, "suas perninhas curtas precisam esforçar-se para
não ficar para trás do jumento". Como pode aquele homem ficar ali
sentado tão calmamente sobre a montaria, ao ver que o menino está
virando um farrapo de tanto correr. O pai tomou a sério esta
observação, desmontou do jumento na esquina seguinte e colocou o
rapaz sobre a sela. Porém não passou muito tempo até que outro
passante erguesse a voz para dizer:
Que desgraça! O pequeno fedelho lá vai sentado como um sultão,
enquanto seu velho pai corre ao lado. Esse comentário muito magoou o
rapaz, e ele pediu ao pai que montasse também no burro, às suas
costas. Já se viu coisa como essa? - resmungou uma mulher usando véu.
Tamanha crueldade para com os animais! O lombo do pobre jumento está
vergado, e aquele velho que para nada serve e seu filho abancaram-se
como se o animal fosse um divã. Pobre criatura! "Os dois alvos dessa
amarga crítica entreolharam-se e, sem dizer palavra, desmontaram".
Entretanto mal tinham andado alguns passos quando outro estranho fez
troça deles ao dizer:
Graças a Deus que eu não sou tão bobo assim! Por que vocês dois
conduzem esse jumento se ele não lhes presta serviço algum, se ele
nem mesmo serve de montaria para um de vocês? O pai colocou um punhado
de palha na boca do jumento e pôs a mão sobre o ombro do
filho. "Independente do que fazemos", disse, sempre há alguém que
discorda de nossa ação.
Por isso, é que nós mesmos precisamos determinar o que é correto.
(Autor Desconhecido)
Deus lhe abençoe!




Nuvens